5 dicas para economizar e comprar o imóvel próprio

Comprar um imóvel é um grande passo e um sonho de muitas pessoas. Mas para chegar até ele, é preciso organização financeira e, principalmente, consciência dos gastos da casa para conseguir entender quanto é possível economizar e quais os artifícios que podem ajudar, como o uso do FGTS ou um financiamento.

Neste artigo, você vai poder conferir algumas dicas para conquistar esse sonho e conseguir a liberdade de ter seu próprio lar. Continue a leitura e comece agora mesmo a se organizar para a compra do seu primeiro imóvel!

1. Faça uma planilha de gastos e ganhos
Faça uma planilha com todos os gastos que a família toda tem: desde os fixos, como contas de condomínio, escola das crianças, etc, até os flexíveis, como passeios e almoços em restaurantes. Esse último pode ser calculado como uma média mensal.

Em outra planilha, coloque os ganhos de todas as pessoas que colaboram no orçamento familiar. Ao ter ganhos e gastos expostos, fica mais fácil saber onde é possível economizar e quanto pode sobrar no final do mês.

2. Estude sua planilha e veja onde é possível economizar
O segundo passo é justamente observar quais são os gastos supérfluos, ou seja, aqueles que não têm necessidade e que podem ser cortados por um tempo por um bem maior, que é economizar para dar na entrada do imóvel ou até mesmo pagar as parcelas.

Estudando a planilha, você consegue saber valores de entrada e saída, e fica mais fácil controlar os gastos.

3. Cuidado com outros financiamentos
Hoje, no mercado, há muita facilidade para comprar tudo, o que pode ser um atrativo para fazer dívidas. A compra de eletrodomésticos e carros parcelada em muitas prestações pode atrapalhar o financiamento do seu imóvel.

A dica, nesse caso, é focar na necessidade principal, que é o imóvel, e deixar para adquirir outros bens de maior valor quando houver uma folga no orçamento.

4. Use o FGTS para a entrada
O uso do FGTS é perfeito para a entrada do seu primeiro imóvel. Esse é um dinheiro o qual o trabalhador tem direito e fica parado no banco, sujeito a juros muito baixos, sendo que pode ser sacado em poucas oportunidades; a compra de um imóvel é uma delas.

O FGTS pode render uma boa quantia de entrada no seu imóvel, o que ajuda a reduzir o valor das parcelas do valor restante.

5. Calcule parcelas que caibam na sua realidade financeira
Antes de fechar a compra do imóvel, calcule, de acordo com sua planilha, qual o valor da parcela que ficaria confortável para o seu orçamento.

Esse valor não deve ser tudo o que sobra no mês, mas deve ter uma boa folga para que você possa pagar confortavelmente sem se apertar ou ter surpresas desagradáveis.

Com um bom planejamento, o sonho do imóvel próprio fica mais perto do que você poderia imaginar! Com um bom controle financeiro, é possível alcançar seu objetivo com parcelas que cabem no bolso e construir seu patrimônio.

Está a procura de um imóvel que traga qualidade de vida para você e sua família e que garanta um excelente custo-benefício? Venha conhecer o New York Residence, um empreendimento único e com tudo o que você precisa para viver bem!

9 de abril 2024

Inovação ou Colapso na construção civil

Leia mais

9 de abril 2024

Inovação ou Colapso na construção civil

Leia mais

27 de março 2024

A INCLUSÃO DAS MULHERES NA CONSTRUÇÃO CIVIL

Leia mais

27 de março 2024

A INCLUSÃO DAS MULHERES NA CONSTRUÇÃO CIVIL

Leia mais
Fale por
telefone
Contato
por e-mail
Chama no
WhatsApp